#1: O que faz um profissional de mídia

O universo das agências borbulha criatividade, inovação e estratégia. Como uma máquina bem engrenada, é composta de diversas áreas e setores que se conectam e alinham para alcançar o objetivo comum com seus clientes. Os processos de criação e planejamento garantem a qualidade e eficácia das campanhas e peças publicitárias, mas seu sucesso é intrinsecamente dependente do alcance do público. É nesse contexto que se insere um dos profissionais essenciais para o bom resultado de qualquer projeto: o profissional de Mídia.

Mas, o que faz um profissional de mídia?

Negociar espaço midiático é mais que de analisar planilhas e gráficos, é necessário um entendimento complexo de mercado, público e das finalidades do anunciante. O profissional de mídia está em constante observação, já que sua atuação é vinculada ao comportamento da sociedade perante os meios. Portanto, um dos pilares da profissão é o relacionamento com os veículos midiáticos. Entender qual é o melhor jornal ou estação de rádio para anunciar uma campanha é um conhecimento essencial para o mídia, mas o contato veículo-e-agência é muito mais complexo do que aquele de uma simples transação.

Novos tempos, novas métricas, novos parâmetros

A tecnologia também é uma grande influenciadora do trabalho do mídia. Bem como a evolução tecnológica afeta os meios de comunicação tradicionais e proporciona o surgimento de novos meios, estimulando a adaptação do profissional de mídia, surgem novas métricas e parâmetros de análise de dados que auxilia o estudo dos resultados das campanhas veiculadas. Assim, se tornou possível avaliar engajamento, recepção e efetividade de modo quantitativo, o que facilita entender se a peça atingiu ou não seu objetivo final, bem como se o investimento feito foi suficiente. Por mais que as novas tecnologias possam mudar a dinâmica do trabalho, algumas características ainda são essenciais, como visão estratégica, organização e noções de investimento.

 

Caio Monteiro, Gabriel Braga, Giovanna Dias, Guilherme Drummond, Rafaela Reposse

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *