Análise da exibição e repercussão de episódios de RuPaul’s Drag Race

Sobre o programa

O grupo se propôs a analisar as repercussões dos episódios do talent show americano ‘RuPaul’s Drag Race’ comandado pela drag queen RuPaul (personalidade bastante relevante na América do Norte) no Tumblr. O programa tem episódios semanais de 40 minutos, aproximadamente, e possui uma estrutura comum aos reality shows em que uma pessoa é eliminada por semana (em temporadas de 13 episódios) até que, na final, 3 artistas concorrem pelo título de ‘America’s Next Drag Superstar’. As provas tem o objetivo de medir aspectos de cada persona drag que resultam, segundo o programa, em uma winner. São eles carisma, singularidade, audácia e talento. Essas características são observadas a partir de provas de costura, atuação, canto, dança e até mesmo desafios de comédia.

É importante comentar que o programa vêm crescendo muito ao longo dos anos, já que a cultura drag ganha cada vez mais espaço e valorização ao redor do mundo. O show trouxe um lado mais humano dessas performers, o que aproximou o público dessa realidade e causou grande comoção e identificação, fatores chave para um reality show funcionar e ter sucesso. A percepção de que as drag queens são muito versáteis e atuam em diferentes ramos do entretenimento, também serviu para explicitar o grande talento de muitas competidoras.

Reflexo disso é a ascensão dessas artistas até mesmo no Brasil, em que esse tipo de expressão não era tão amplamente valorizado. Pabllo Vittar é uma drag brasileira que está conquistando um enorme espaço (seu último clipe lançado, da música ‘KO’, já ultrapassa os 17 milhões de visualizações), isso prova o quanto essa arte passou a ser mais reconhecida.

Em 2017 o show está na sua nona temporada (além das duas edições especiais ‘All Stars’ em que competidoras de temporadas anteriores retornam para compor o cast, que não serão utilizadas como componentes dessa análise) e migrou, em 2017, de emissora. Anteriormente era transmitido nos EUA pela Logo TV e distribuído ao redor do mundo pela Netflix. A transmissão em território nacional já passou pelos canais VH1 Brasil, Multishow e agora é exibido pelo Comedy Central. Lá fora é transmitido pelo VH1 e oferece a opção de streaming gratuito ao vivo durante os episódios semanais para o mundo todo, o que expandiu muito a repercussão dos episódios no momento em que eles vão ao ar, já que na emissora anterior a transmissão era exclusiva para os EUA.

Sobre a plataforma escolhida

O Tumblr é uma plataforma criada por David Karp e Marco Arment e lançada em 2007. Com uma popularidade crescente desde seu lançamento, o tumblr mescla as funções de microblog e rede social, o que permite que os usuários criem e postem conteúdo, e, ao mesmo tempo interajam uns com os outros. Esta plataforma é normalmente muito associada a comunidades de fãs, unidos por interesses em comum (normalmente um produto midiático), os chamados fandoms.

Esta característica híbrida do microblog/rede social, associada ao seu uso por comunidades de fãs motivou o grupo a escolher as postagens feitas no Tumblr para analisar a repercussão dos episódios de Rupaul’s Drag Race.

A coleta de dados

Para fazer uma análise sobre a repercussão do show, foi feita uma série de coletas, dividida em duas etapas, utilizando a Netvizz Tumblr Tool. Para selecionar qual seria a tag utilizada, fizemos uma pesquisa. Coletamos, no mesmo período de tempo, todos os posts com as tags “rpdr” e “rupaul’s drag race”, e percebemos que havia muito mais posts com a primeira tag do que com a segunda. Portanto, utilizaremos “rpdr” como parâmetro para esta análise.

As coletas da primeira etapa foram feitas com o objetivo de comparar a repercussão da estreia de cada temporada de Rupaul’s Drag Race. Para observar essa repercussão, foram escolhidos intervalos de 4 dias para cada ano (o dia anterior, o dia da estreia e os dois dias posteriores). Sendo assim, foram coletados todos os posts que utilizaram a tag “rpdr” nos seguintes períodos: 1/02/2009 – 04/02/2009, 31/01/2010 – 03/02/2010, 23/01/2011- 26/01/2011, 29/01/2012 – 01/02/2012, 27/01/2013 – 30/01/2013, 23/02/2014 – 26/02/2014, 01/03/2015 – 04/03/2015, 06/03/2016 – 09/03/2016 e 23/03/2017 – 26/03/2017.

Já as coletas da segunda etapa foram feitas com o objetivo de analisar o impacto dos episódios da nona temporada, que está sendo exibida em 2017. Para observar esta repercussão, foram coletados todos os posts que utilizaram a tag “rpdr” no período de 04/05/2017 a 22/05/2017, que engloba a exibição dos episódios 7, 8 e 9. Tendo em vista que o episódio 9 foi muito polêmico por motivos que serão explicados mais à frente nesta análise, fizemos uma coleta de posts do período de 18/05/2017 a 22/05/2017, para permitir uma melhor reflexão acerca desse episódio específico.

Para começar nossa análise, usamos o modelo de ‘Bolhas em pacote’ para investigar as repercussões de cada season premiere desde o ano de estreia do programa até sua edição mais recente (de 2009 até 2017).

 

Gráfico 1: ano de estreia de cada temporada x número de posts no Tumblr sobre o evento

Pode-se perceber que nos dois primeiros anos do programa, não se veem postagens, o que pode indicar que a rede social ainda não era tão popularizada (o que começou a mudar a partir de 2011) ou o show ainda era pouco conhecido. É possível também que a ferramenta não tenha conseguido coletar dados tão antigos, ocasionando no baixo número de registros de postagens para o primeiro ano da série.

Outro fator a se comentar é o fôlego do programa, que cresce de maneira expressiva ao longo dos anos. O que é incomum visto que, em muitos casos, o formato do programa se desgasta ao longo dos anos e o público começa a cair.

O aumento de popularidade do reality em 2017 pode ser fruto de sua migração de sua antiga emissora (LogoTV) para uma maior (VH1) e agora apresenta a possibilidade de live stream gratuito, o que conecta de maneira instantânea os fãs ao redor do mundo.

Repercussão na temporada atual e live blogging

Gráfico 2: Análise dia de exibição x número de postagens

A partir disso adotamos uma análise mais focada na temporada atual (a nona do show) para fins de análise mais qualitativa. No gráfico acima foram selecionados os episódios de números 7, 8 e 9 para perceber o número de postagens na plataforma Tumblr. Escolhemos um intervalo de um dia antes da exibição do episódio, o dia do evento e os dois dias seguintes a ele. É essencial ressaltar que o horário de exibição do programa nos EUA (local onde o reality é exibido originalmente) é as 22 horas da sexta feira, mas no programa utilizado (Tableau) o horário referência é o GMT (Greenwich Mean Time), que considera que os episódios são exibidos à meia noite de sábado, ou seja, o ápice das postagens acontece nos dias 6,13 e 20 de maio, respectivamente, mas deve-se levar em conta que nos EUA eles foram exibidos e contabilizados nos dias 5,12 e 19.

Dito isso, observa-se que o pico de postagens se dá durante o episódio, e cai drasticamente após sua exibição, indicando que o Tumblr é expressivamente utilizado para live blogging, que por sua vez corresponde à tendência atual de comentar em redes sociais os episódios dos programas televisivos simultaneamente à sua exibição. Essa lógica de utilização se assemelha ao Twitter (que foi uma rede considerada, a princípio, para essa pesquisa) e tal percepção surpreendeu o grupo durante a coleta de dados.

A partir desse fator imprevisto, buscamos visualizar em outro gráfico os tipos de post mais frequentes, para comprovar a utilização da plataforma para o live blogging:

Gráfico 3: Número de registros x Dias acerca da exibição do episódio 9

No gráfico acima, utilizamos as variáveis número de registros x dias (utilizamos os dados coletados entre os dias 18 e 22 de maio, referentes ao episódio 9 da temporada). Nas colunas, criamos essa divisão por cores que mostra a quantidade de cada tipo de postagem no Tumblr (resposta, áudio, chat, link, photo, quote, texto, vídeo, respectivamente). A data de transmissão do episódio no site da VH1 foi 19 de maio, mas como as informações foram coletadas no Netvizz Tumblr, que tem como base o fuso horário GMT, os dados do dia exato da transmissão estão representados no gráfico no dia 20.

Dessa forma, fica evidente que, no dia do episódio, as postagens com formato de texto são bem mais expressivas, assemelhando-se novamente ao Twitter e reforçando a utilização da plataforma para comentar sobre o programa mais rapidamente. Isso evidencia o caráter de imediatismo presente no Tumblr, que apesar de não ser a única forma de interação dos usuários com a plataforma, representa uma forma bastante significativa de gerar conteúdo sobre o reality show.

Outra evidência que suporta a hipótese de que os usuários utilizam a plataforma do Tumblr para live blogging pode ser vista na imagem abaixo. Este gráfico mostra quantos posts cada usuário fez, utilizando a tag “rpdr”, durante o período de 18/05/2017 a 22/05/2017, que compreende a repercussão do nono episódio da temporada. Como pode ser visto no dia 20, que foi o dia da exibição deste episódio, a quantidade de posts por usuário relacionados ao assunto aumentou expressivamente. Esta discrepância pode ser explicada pelo live blogging, uma vez que, nesta prática, o usuário normalmente faz uma série de posts, comentando os fatos no momento em que eles ocorrem.

Gráfico 4: Número de registros por usuários que mais comentaram x dias acerca da exibição do episódio 9

Eliminações polêmicas e spoiler vazados

Gráfico 5: Número de registros por data

O gráfico acima serve para ilustrar a repercussão causada pelo episódio 9, em que comparamos dois dos momentos que geraram mais burburinho na temporada. O primeiro foi a estreia, que contou com a presença da cantora Lady Gaga (a premiere, um dos picos de audiência da temporada, foi exibida no dia 25 de março). O segundo foi emblemático por mostrar a eliminação de uma das concorrentes mais amada pelos fãs. Valentina saiu em um episódio polêmico, já que a artista se recusou a retirar sua máscara (usada para compor sua roupa para desafio do episódio) ao performar uma batalha de dublagem que requer uma visão clara dos movimentos labiais da competidora. Esse motivo gerou muito burburinho já que a própria RuPaul interrompeu a performance para pedir que Valentina retirasse a máscara, causando tensão e desapontamento nos fãs. O episódio 9 teve, em seu momento de pico, mais do que o dobro de posts em relação ao primeiro da temporada.

 

Imagem que ilustra o momento citado. Fonte: https://me.me/i/14113535

 

Outro elemento interessante que pode ter impulsionado a repercussão do episódio foi o vazamento de uma lista com uma ordem de supostas eliminações de vários episódios da temporada. O que pode ser encarado, a princípio, como algo que prejudicaria o show, se mostrou como um assunto a mais para os fãs comentarem, já que ninguém sabia se as informações contidas na lista eram verídicas ou não. A veracidade das informações vazadas se comprovou com a eliminação de Valentina.

Outro fator que percebemos é a ressignificação e criação de memes que brincam com o universo do programa. Por exemplo, na imagem abaixo o usuário fez um referência a eliminação da Valentina. No episódio seguinte à eliminação, foi feito um desafio de makeover, no qual as competidoras deveriam transformar em Drag Queens homens que não tinham experiência com esta arte. A peruca de uma dessas novas Drag Queens acabou tampando o seu rosto, situação que lembrou o criador dessa anedota da máscara de Valentina, evento marcante ocorrido no episódio 9.

Utilização de tags na plataforma

Antes de partir para a análise das tags no Tumblr, é importante ressaltar que a transmissão ao vivo do programa é feita no site da VH1 dos Estados Unidos, em inglês e sem legendas. Por isso, concluímos que o público que assiste ao reality pelo streaming e faz live blogging é, em sua esmagadora maioria, conhecedor da língua inglesa independente do seu país de origem. Exatamente por isso, as tags relacionadas à tag “rpdr” são em inglês, para unificar a discussão sobre o programa ao redor do mundo.

Cada nó representa uma tag relacionada à tag principal “rpdr”. Os nós em laranja representam as tags que foram utilizadas uma única vez na plataforma.

 

Para gerar o gráfico acima, utilizamos os dados da tabela gerada pelo Netvizz Tumblr, que mostra o número de utilizações de cada tag relacionada à “rpdr” entre 18 e 22 de maio, período correspondente ao episódio 9 da temporada. Cada nó do gráfico representa uma tag e suas cores e tamanhos representam o número de vezes que elas apareceram em posts diferentes. Sendo assim, quanto maior o tamanho do nó, maior é a frequência da tag em diferentes posts, e cada cor representa um número específico de utilizações, como explicita a legenda abaixo:

Podemos perceber que a maioria das tags foi utilizada uma única vez por um usuário. Investigando qualitativamente essas tags, observa-se que elas são normalmente utilizadas para fazer comentários pessoais e não como uma forma de agrupamento dos posts, sendo compostas por frases completas e bem específicas e tornando quase impossível a sua repetição exata por outro usuário de forma involuntária. Por não ser possível tal repetição, é evidente que essas tags não são utilizadas para que o post seja encontrado com mais facilidade, e sim para que o usuário possa falar sobre suas impressões do programa sem interferir diretamente no conteúdo do post. Dois exemplos deste uso de tags podem ser vistos abaixo:

 

 

O post em questão é uma repreensão aos “Stans” (fãs ávidos) da Drag “Valentina”, que supostamente estavam fazendo ameaças à outras drag queens nas redes sociais. No post em si, o usuário faz esta crítica, porém, ao invés de utilizar as tags para segmentação, ele as utiliza para fazer comentários argumentando ainda mais em favor do seu ponto de vista (#like evaporate , #y’all are so ugly, #this is why we can’t have nice things).

Outro exemplo deste uso diferenciado das tags é essa postagem, que também foi feita na época da exibição do episódio 9, no qual a drag Valentina foi eliminada. Nesta postagem, o autor utiliza as tags para falar como reagiu à eliminação da Drag e para assumir que é um artista digital mas mesmo assim utiliza a ferramenta paint (#I really yelled when this happened, #why yes I am a digital artist. I use ms paint).

Essa forma de utilizar as tags é útil quando pensamos na lógica de funcionamento do tumblr. Grande parte do conteúdo dos blogs se origina de reblogs de posts de outras contas. Quando um usuário rebloga uma postagem e acrescenta nela seu comentário, seu texto passa a fazer parte do post e pode ser também reblogado e respondido por outras pessoas. Para fazer algum comentário sem alterar o conteúdo original, o usuário pode utilizar o espaço de tags. Neste espaço ele digita informações que automaticamente recebem um “#”.

A cada reblog as tags do post somem e abrem espaço para o “reblogador” inserir suas tags de escolha. Dessa forma elas podem ser vistas apenas no post que a pessoa fez/compartilhou em seu blog. Esse uso das tags se assemelha, em certa medida, ao uso do Twitter.

Conclusão

Por meio da análise dos dados coletados sobre a repercussão de RuPaul’s Drag Race, conseguimos observar não só a relação dos usuários com o programa, mas também a lógica de funcionamento do Tumblr.

Foi possível perceber evidências de que a plataforma é utilizada para live blogging, e que os seus usuários possuem uma lógica peculiar para o uso da ferramenta, pois subvertem o uso das tags, criando uma nova forma de comunicação baseada na expressão própria por meio desse recurso.

Os comentários acerca do show são de várias naturezas, desde relatos sobre o que eventos ocorridos simultaneamente ao programa (looks que os espectadores gostaram ou não, performances marcantes, momentos cômicos ou polêmicos) até o uso de imagens e vídeos do show para criar memes e para encontrar fãs de certa competidora. Todos esses fatores conversam muito com a lógica do streaming, já que os picos de postagens ocorreram durante os episódios, e o conteúdo dos posts era, em sua maioria, referentes ao próprio episódio.

Tudo isso converge para o sucesso crescente do programa, que ao somar-se ao streaming permitiu aos usuários se conectarem no mesmo momento para assistir e comentar sobre o reality, gerando assim esse engajamento crescente observado na pesquisa.

 

Equipe:

Alice Freitas, Fabiana Baracat, Pedro Galvão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *