Cartola FC no Facebook: as táticas de divulgação escaladas na primeira rodada do Brasileirão 2017

O game

Cartola FC é um fantasy game do Grupo Globo voltado para o futebol, mais especificamente ao Campeonato Brasileiro. No jogo, os internautas montam e escalam times, escolhendo 11 atletas e um técnico dentre todos que participam do Brasileirão. A pontuação ocorre de acordo com o desempenho real dos jogadores em campo, durante cada partida. Os “cartoleiros”, como são chamados os jogadores do Cartola, além de escalar o próprio time, podem criar suas próprias ligas e brincar junto com os amigos para ver quem será o melhor do grupo. Antes do início de cada rodada do campeonato, o “mercado de jogadores” do Cartola abre para que os usuários escalem seus times. Duas horas antes da primeira partida da rodada, o mercado fecha e só abre novamente após o fim dos jogos. Os cartoleiros podem, então, ver sua pontuação na rodada e fazer mudanças na composição de seus times.

Criado em 2005, Cartola FC é um produto de ascendente sucesso e, a cada ano, a Globo investe mais neste fantasy game, bem como em sua divulgação. Só no ano passado, mais de 7 milhões de pessoas jogaram o Cartola e a tendência é que essa marca seja facilmente superada em 2017. Logo na primeira rodada, bateram recorde de times escalados em uma única rodada, alcançando 4.095.477 times. Para ter noção do sucesso deste game, em 2016, nesta mesma rodada, 2.723.915 de usuários montaram as suas equipes.

Para o jogador que busca ter acesso a mais recursos deste jogo, existe a possibilidade de assinar o Cartola Pro, modalidade cujo valor é de R$ 39,90 por ano e tem algumas vantagens extras como: ganhar vale-compras de até R$ 3 mil por rodada do Brasileirão e concorrer a uma viagem para o amistoso entre Brasil e Alemanha, em Berlim, que será realizado em 2018.

O Cartola FC pode ser visto como um grande produto transmidiático do Campeonato Brasileiro: trata-se de um jogo online, que amplia a experiência do público do Brasileirão no ambiente digital. Essa ferramenta incentiva, assim, a participação e a interatividade dos fãs nas redes sociais, gerando discussões sobre os jogos do campeonato e sobre o desempenho de cada um no fantasy game.

A pesquisa

Analisamos como se deu a estratégia de divulgação do Cartola FC em sua página oficial do Facebook, coordenada pela equipe da Globo, e como foi a repercussão e interação de seus públicos durante a primeira rodada do Campeonato Brasileiro de 2017. Para isso, utilizamos o aplicativo Netvizz para extrair dados relativos às publicações do Facebook oficial do Cartola FC. A coleta dos dados ocorreu no período de 13 a 16 de maio, abrangendo assim, os dias de jogos da primeira rodada do Brasileirão (13, 14 e 15 de maio) e um dia após (16 de maio), para analisarmos a repercussão dos jogos e das pontuações dos cartoleiros nesta rodada.

Para complementar nossa análise a respeito da repercussão, avaliamos também os vídeos do YouTube que continham o termo “cartola fc” e que foram publicadas no período de 13 a 16 de maio. Esses dados foram extraídos através da ferramenta YouTube Data Tools.

Utilizamos as ferramentas Tableau Public e Gephi para processar e visualizar os dados extraídos destas coletas.

A página do Cartola FC no Facebook

A página oficial do Cartola FC, até o dia 31/05/2017, possuía 2.207.275 curtidas e 2.189.937 seguidores. Tais números são muito expressivos e demonstram o sucesso que este fantasy game alcançou.

Rede de páginas que o Cartola FC curte no Facebook (nó e cor referem-se ao grau)

O Cartola FC curte 97 páginas, que se conectam num total de 389 arestas. A maioria das páginas curtidas são de jogadores, clubes de futebol, patrocinadores e páginas de terceiros, diretamente relacionadas ao game, como “Cartoleiro Fanático”, “Cartola da Depressão”, “Cartolando FC” e “Cartoleiros”. Isso dá indícios da estratégia da página, que busca curtir, além de jogadores, times e patrocinadores, páginas que fazem referência ao jogo, de forma a apoiar e a incentivar a repercussão do Cartola FC.

O Cartola no mundo

Número de perfis que curtiram a página do Cartola FC por país.

Ao analisar os dados de número de curtidas da página do Cartola FC por país, (vale lembrar que, no Facebook, o país refere-se ao local onde a pessoa se auto declara residir) no dia 21/05/2017, obtivemos o mapa acima. O tom mais escuro se refere ao país com mais perfis que curtem a página: o Brasil, com 2.140.109, num total de 2.163.176 fãs distribuídos em 45 países. Destaca-se no mapa a presença de fãs em quase todas as três Américas, na Austrália, parte da Europa ocidental, na África e na Ásia, totalizando 23.067 fãs fora do Brasil.

O mapa demonstra, assim, que o Cartola FC não se limita às fronteiras brasileiras. Há “cartoleiros”, provavelmente, de várias nacionalidades e espalhados pelo mundo, mais um indicativo do sucesso do game.

As publicações do Cartola FC

Durante o período da coleta de dados, de 13 a 16 de maio, foram publicados um total de 37 posts na página oficial do Cartola FC no Facebook. Ao analisar qualitativamente essas publicações, percebemos que são feitos posts de diversos tipos. Dos 37, 11 são chamadas para publicações no globoesporte.com e para programas sobre o Cartola FC em outras plataformas do Grupo Globo; oito são informações sobre jogadores que não vão atuar na rodada e sobre alterações de notas dos atletas, após o fechamento da rodada; seis são memes; seis são vídeos e/ou lives de programas do Cartola FC no Facebook; dois são interações com os internautas sobre as ligas do Cartola FC; um é tutorial sobre como usar o Cartola FC; um é aviso sobre o fechamento do mercado de jogadores; um é post de agradecimento pelo recorde de times escalados no game (mais de quatro milhões); e um é sobre o dia das mães – no caso, a página desejou feliz dia das mães a todas as “mamães cartoleiras”.

O post, mesmo que não gere engajamento considerável – apenas 44 compartilhamentos -, é uma estratégia de ampliar a simpatia e o carinho dos internautas.

Os 37 posts foram divididos da seguinte maneira: 15 foram publicados em 13 de maio (sábado) – dia do fechamento do mercado e da estreia do Campeonato Brasileiro -, sete foram publicados no dia 14 (domingo), cinco no dia 15 (segunda-feira) e 10 no dia 16 (terça-feira) – data da reabertura do mercado.

Gráfico mostra como foram distribuídos os posts no período de 13 a 16 de maio.

Analisando o gráfico acima, podemos perceber que os dias de maior interação com o público são aqueles em que o mercado de jogadores fecha e abre. Isso porque gera mais demanda à equipe do Cartola FC. Nesses dias, eles produzem posts avisando os internautas a contagem regressiva do fechamento do mercado, comemoram o número de escalações na rodada e ainda fazem vídeos. Entre esses dias, são feitos posts mais relacionados a jogadores que estão indo bem ou àqueles que estão indo mal.

Postagens com mais likes na página do Cartola FC, no período analisado (13 a 16 de maio).

O gráfico acima, gerado pelo Tableau Public, mostra o número de curtidas (linhas) em cada post da página do Cartola FC (colunas). A publicação mais curtida, com 15.795 likes, é a de uma imagem do jogador Nino Paraíba, da Ponte Preta (clube), que obteve uma ótima pontuação na primeira rodada. O texto da publicação, do dia 14 de maio, diz: “É impossível os 388.188 cartoleiros que escalaram o Nino Paraíba não se emocionarem com essa imagem.  “.

Nino Paraíba, jogador da Ponte Preta, foi o maior pontuador do fantasy game na rodada. Por isso, a página dedicou um post só para ele. Na postagem, o Cartola FC instiga os internautas que, na maioria das vezes, comentam sobre sua situação no game, reclamam das pontuações e/ou fazem brincadeiras, como os exemplos abaixo:

Internauta está feliz por ter escalado Nino Paraíba, mas triste porque tinha o goleiro Muralha, do Flamengo, que fez -2 pontos na rodada.

 

Internauta se diz arrependido por não ter escalado Nino Paraíba

 

Cartoleiro reclama da pontuação do goleiro Fernando Miguel, do Vitória

 

Cartoleiro reclama das dicas do Cartola, que indicaram que o jogador Régis, do Bahia, não iria jogar. Porém, ele não só jogou como fez 18.5 pontos, que é considerado uma pontuação alta

 

Cartoleiro reclama das próprias escolhas no game

 

Cartoleiro apresenta dúvidas em relação à pontuação do goleiro Diego Cavalieri, do Fluminense

 

No período de análise, o post com menos curtidas (208) foi o da divulgação de um programa sobre o Cartola na Rádio Globo. A postagem, do dia 13 de maio, diz: “NÃO PARA, NÃO PARA, NÃO PARA NÃO! A gente não para de dar dicas, de resenhar, de respirar o #CartolaFC! Já rolou programa ao vivo aqui na Internet e, desde 12h, está rolando o maior bate-bola lá na Rádio Globo! Cassius Leitão e Hugo Lago estão na escuta! Cheguem mais!”.

Como o Cartola FC cresceu, consideravelmente, nos últimos anos, uma das estratégias adotadas pela Globo é expandir o fantasy game em todas as áreas e programas do grupo. As poucas curtidas no post sobre programa da Rádio Globo podem ser explicadas pelo público público principal da página – mais jovem e mais conectado à internet e não a outras mídias. Tanto que, diferentemente de outros posts, esse, em específico, não recebeu nenhum comentário interagindo com a publicação.

No post de divulgação do programa na Rádio Globo, cartoleiros usam os comentários para convidar outros jogadores do game a participarem de ligas:

 

.

 

.

 

.

 

.

 

Um importante fato que demonstra a relevância do game foi a criação de um setor do globoesporte.com que passou a trabalhar exclusivamente com o Cartola, dedicando-se a atualizar o site, além de produzir posts, vídeos, matérias e entrevistas.

Site do Cartola FC, no globoesporte.com, é atualizado a todo momento

Equipe do Cartola FC faz live no Facebook

No Facebook, os internautas também podem reagir às publicações com os botões “amei”, “grr”, “haha”, “triste” e “uau”. Com base nisso, desenvolvemos um gráfico analisando quais os posts, do período coletado, obtiveram maior número de reações “amei” e “grr”, que significa raiva.

No gráfico, a cor preta significa o número de reações “grr” e a cor vermelha as reações “amei”.

Percebe-se, que, em geral, as publicações obtiveram mais reações de raiva do que de amor. O post com mais “grr” foi um que tratou sobre a alteração de pontuação de jogadores. Provavelmente, neste caso, a maioria dos cartoleiros que leram este post escalaram o goleiro Fernando Prass e tiveram dois pontos subtraídos após a revisão da pontuação divulgada previamente e por isso, não gostaram da atitude do Cartola FC, o que gerou muitas reações de “raiva” e poucas de “amei”.

Comunicado que informa a mudança de pontuação do goleiro Fernando Prass, do Palmeiras

Cartoleiro cobra a RB (roubada de bola) do zagueiro Geromel, do Grêmio. Segundo os internautas a RB não foi contabilizada e isso aumentaria em 1,70 a pontuação do jogador

 

Cartoleiro não gosta que o game reveja as pontuações ao término da rodada

 

Cartoleiro se mostra convicto de que Fernando Prass fez três defesas difíceis e não apenas duas

 

O que seria uma defesa difícil, então? Cartoleiro questiona

 

Apesar dos vários questionamentos, o Cartola FC poucas vezes responde os internautas na página. No segundo post com mais reações “grr”, porém, houve uma interação, inclusive, com as páginas que são relacionadas ao game. Na publicação, o Cartola comenta um bug que gerou polêmica nas redes sociais. Esse bug permitia que a pessoa se inscrevesse no Cartola, já com a rodada em andamento e com o mercado fechado, e, mesmo assim, conseguisse escalar o time. O cartoleiro, então, colocava apenas os jogadores que já tinham ido bem e, com isso, fazia uma super equipe.

Porém, o Cartola esclareceu que os pontos não seriam contabilizados e, assim que o mercado abrisse novamente, ao término da rodada, esses cartoleiros seriam regularizados no game.

Por ser um bug, muitas pessoas reagiram com “grr” no post, questionando a credibilidade do Cartola FC

Apesar dos vários “grr”, páginas fãs de Cartola demonstraram apoio ao game, que retribuiu com mensagens

 

Uma cartoleira, inclusive, aproveitou o post e mostrou seu ótimo desempenho na rodada, ironizando aqueles que menosprezam as mulheres no futebol

 

No post, cartoleiros seguem pedindo que contabilizem a roubada de bola do zagueiro Geromel, do Grêmio

 

Repercussão do Cartola FC no YouTube

Considerando que a Globo não utiliza a plataforma do YouTube para postar seus vídeos, apresentando sua própria ferramenta virtual – Globo Play -, decidimos coletar os dados relativos aos vídeos publicados no YouTube entre os dias 13 a 16 de maio, que continham o termo “cartola fc”. A partir desses dados, analisamos a repercussão do Cartola FC no YouTube e a forma que seus públicos se apropriam dessa ferramenta, que não faz parte da estratégia de divulgação oficial da Globo.

Número de vídeos publicados no YouTube (linhas) por dia (coluna).

No período de 13 a 16 de maio, foi publicado no YouTube um total de 485 vídeos com o termo “cartola fc” no título ou em sua descrição. Ao analisarmos o gráfico acima, que mostra o número de vídeos postados por dia, verificamos que os dias com maior quantidade de publicações são 13 e 16 de maio, justamente os dias em que o mercado de jogadores do fantasy game fecha e abre, respectivamente. Nesses dias, são publicados praticamente quatro vezes mais vídeos que nos outros dias analisados, quando o mercado permanece fechado.

A maior repercussão do Cartola no YouTube nesses dias deve-se à movimentação que o fechamento e a abertura do mercado causam nos usuários do game. O dia em que o mercado fecha é a última oportunidade que os cartoleiros têm para fazer mudanças na sua escalação antes da rodada iniciar. O dia em que o mercado abre, por sua vez, é quando todos recebem suas pontuações da rodada finalizada e podem fazer uma nova escalação para a próxima rodada.

Número de visualizações (linhas) dos vídeos mais vistos (colunas) contendo o termo “cartola fc”.

O gráfico acima revela os vídeos com mais visualizações, dentre os publicados no período analisado, contendo o termo “cartola fc”. O vídeo mais visto, com o título “CARTOLA FC 2017 – #2 RODADA (DICAS)”, obteve 105.041 visualizações, além de 4.691 likes e 721 comentários (sendo também o vídeo mais curtido e mais comentado durante o período analisado). Trata-se de um vídeo bem produzido, que oferece dicas para jogar o Cartola. O conteúdo foi publicado no dia 16/05/17 e foi o único vídeo postado pelo canal, Nosso Cartola, durante os dias analisados, obtendo mais sucesso que todos os outros publicados no período.

O segundo vídeo mais visto, por sua vez, com 104.443 visualizações, trata-se de uma matéria do Jornal Nacional do dia 12/05/2017, que fala sobre o Cartola FC. O grande número de visualizações do vídeo provavelmente deve-se ao fato de que a Globo não publica vídeos de sua programação no YouTube, apenas no Globo Play.

Em terceiro lugar, com 57.746 visualizações, vem o vídeo “NEILTON FOI DEMITIDO DO SÃO PAULO !!!”, que, curiosamente, não é sobre o Cartola, mas sobre uma notícia do mundo de futebol, sendo que apenas no final do vídeo é divulgada a liga do autor no Cartola.

Por fim, em quarto e quinto lugares estão dois vídeos caseiros, ambos publicados no dia 16/05/17, que também fornecem dicas para a rodada seguinte do Cartola. Eles apresentam 45.353 e 44.349 visualizações, respectivamente.

De maneira geral, percebe-se que o público do Cartola utiliza o YouTube predominantemente como um espaço para produzir conteúdo próprio relacionado ao game, principalmente no formato de dicas de como ir bem no Cartola – além de divulgarem suas ligas e replicarem programas da Globo que abordam o jogo. De vídeos simples aos bem produzidos, tratam-se de produtos que são frutos do engajamento do público com o fantasy game.

Conclusão

A partir das análises realizadas, é possível concluir que a estratégia de publicações do Cartola FC no Facebook é bastante efetiva. Os posts são frequentes e incentivam a interação do público, que curte, reage e comenta os posts de forma intensa. Não podemos esquecer que o público imerge no game muito motivado pela sua paixão ao futebol e por se tratar de um game de estratégia alinhado aos acontecimentos do mundo real. É óbvio que os cartoleiros querem que a cada rodada as suas estratégias de escalação sejam as mais bem pontuadas. Portanto, a relação entre o Cartola FC e os cartoleiros é permeada constantemente pela tensão, pois há uma grande pressão quanto: à avaliação da pontuação determinada pela atuação de cada jogador durante os jogos do Campeonato Brasileiro; à não ocorrência de bugs durante todo o período do Cartola FC 2017; ao cuidado em não postar mensagens que desrespeitem e ofendam os times de futebol, seus jogadores ou suas torcidas; etc. A repercussão dos fãs do Cartola ainda pode ser observada no YouTube: nessa rede social, que a Globo não utiliza de maneira oficial, o público produz seus próprios conteúdos relacionados ao fantasy game, obtendo um significativo número de visualizações em seus vídeos. Isso mostra como o Cartola FC tornou-se um relevante produto midiático, engajando a interação e a participação de seus públicos em diferentes plataformas.

Equipe:

Cláudia Amorim, Marina Kan Mei e Thaynara Amaral