Como dizer sem falar

PROPOSTA +

Há um ditado que diz “quem tem boca vai a Roma”, mas e quando só a boca não é suficiente? Quando a linguagem verbal não proporciona a comunicação, o que acontece? O corpo fala!

Porém, a linguagem não verbal é algo cultural e pode ter variados significados para povos diferentes. Gestos apropriados de forma errada podem gerar confusão, mas se aplicados no contexto adequado facilitam a comunicação. Pensando nisso, a idéia inicial para nosso próximo projeto é a construção de um aplicativo capaz de traduzir e catalogar movimentos gestuais utilizados no Brasil.

Tema: App de Gestos – Como dizer sem falar

Perspectiva de abordagem:
Orientados pela idéia da Copa do Mundo em BH e sabendo que o português é um idioma de pouco domínio dos turistas, o aplicativo de gestos vem para auxiliar as transações comunicionais entre nativos e forasteiros.

Além da característica funcional, ele terá uma vertente humorística, uma vez que será explorado “o jeitinho brasileiro” de falar e situações típicas nas quais expressões corporais, já incorporadas culturalmente, são utilizadas para a enunciação de determinada idéia.

Na prática, consideramos esse app bastante semelhante a um dicionário da Libras, porém mais básico e informal, no qual pode-se acessar por tópicos e frases prontas em inglês e espanhol e seu correspondente gestual no Brasil. Além disso, pensamos nele ser algo colaborativo, para que mais pessoas possam registrar sua sugestão de gesto, aumentando, assim, o banco de dados de nosso catálogo.

Recursos de linguagem: Aplicativo para smartphones e tablets.

Equipe

Arnaldo Garcia, Larissa Campos, Luisa Alfenas, Paula Pinheiro

5 comments

  • Geane Alzamora

    Tenho dúvidas quanto à proposta, pois não consigo imaginar ainda em que medida o aplicativo será de fato necessário na comunicação entre pessoas por gestos. Vamos ver…
    Geane

  • Ana Rodarte

    Olá, pessoal! Que ótima proposta! Como pretendem trabalhar os gestos? Vocês já demonstraram em outros trabalhos que possuem um bom trabalho de ilustração, acho que seria legal se trabalhassem com aquele layout artesanal

  • barbarasilva

    Oi gente,
    Gosto muito da ideia de vocês. Acho que o post ficou claro e a proposta está bem explicada. Fiquei pensando se o catálogo de vocês vai ser construído por ícones, por fotos, ou por vídeos, porque como deixaram claro na proposta utilizamos movimento gestuais por isso fiquei na dúvida se vão representar esses movimentos iconicamente ou por meio do movimento “real” da imagem. Lembrei dos manuais de instrução japoneses que geralmente são muito bons em representar movimentos por meio de ilustrações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *