Quarta Doze e Trinta promove música

Comunidade acadêmica pode apreciar a arte no campus toda quarta-feira, às 12h30. (Foto: Raphael Amador)

REPORTAGEM DE: Aline Azevedo, Gabriela Costa Sousa, Julia Pelinson, Marcella Ximenes e Raphael Amador

A Universidade Federal de Minas Gerais sempre valorizou manifestações culturais de diversas maneiras, sejam elas por meio da música, do teatro, das artes plásticas, entre outros. No cenário musical, ela é responsável por diversos projetos que dão a oportunidade a artistas – sendo muitos deles seus próprios alunos – de serem reconhecidos pelo público.

Dentre esses projetos, a Quarta Doze e Trinta é um dos mais conhecidos e frequentados, sendo realizado pela Pró-Reitoria de Extensão/Diretoria de Ação Cultural UFMG, a Fundação Universitária Mendes Pimentel e a Coordenadoria de Assuntos Comunitários UFMG. Ela acontece na Praça de Serviços ou no auditório da Reitoria da própria universidade.

No vídeo abaixo, você confere mais detalhes sobre esse projeto cultural e dicas para os artistas que pretendem participar dele.

11 comments

  • carlaresgala

    Olá Meninos, muito boa matéria! Imagens e áudio de ótima qualidade. Gostei muito da divisão que fizeram do conteúdo da informação no texto escrito e no sonoro. O tema Quarta Doze e Trinta parece ter chamado atenção dos alunos, pois em outubro de 2012 também teve uma matéria sobre ele aqui no site. Eu particularmente gosto bastante, apesar de não poder ir muito.

  • Bruno Camargos

    Bom texto esse de vcs galera!! O Quarta Doze e Trinta é uma oportunidade de lazer para aquela hora de uma pausa na correria do dia e vcs descreveram bem uma das mais importantes manifestações culturais do campus

  • Raquel Fernanda Siqueira

    Realmente muito boa a matéria. A divisão do conteúdo com as imagens e video, legenda da foto e um título bem jornalistico. No entanto, senti falta de uma interação maior com outros meios,outros conteúdos, outros suportes de comunicação.

  • Helio

    Gostei do texto e do vídeo, mas só umzinho? Põe outro aí pra atiçar mais a galera! 🙂

  • Louise Vieira

    Gostei muito da matéria e do vídeo. Mesmo estudando perto da Praça, não conhecia este projeto. Fiquei curiosa para saber, vocês mesmos que fizeram a locução do vídeo? Me pareceu muito um programa de rádio que eu escutaria da Rádio UFMG. Se a locução é de vocês, parabéns, ficou muito boa. Se o vídeo foi feito encima de uma reportagem para rádio, parabéns pela ideia!

  • graziellesilva

    Gostei muito da matéria, simples e objetiva. A foto captou bem este momento em que a comunidade acadêmica se reúne para apreciar a arte no campus. Quanto ao vídeo, achei bem legal a ideia de além de mostrar o Quarta Doze e Trinta para quem quiser vir e assistir, também dar dicas pra quem quiser participar com alguma atração. Conseguiu atingiu todos os públicos.

  • barbaranery

    Gostei muito do texto, tanto o escrito quanto do vídeo. Senti falta de movimento no vídeo pra ficar mais dinâmico.

  • Camila Marques
    camilamarques

    Muito legal falar deste projeto, porque ele é muito legal e poucas pessoas conhecem. Merece ser divulgado para os artistas, como vocês fizeram, por isso gostei muito. Mas, concordo com o que algumas pessoas ja disseram a cima. Pode ser que vídeo longo e mais estático não consiga prender o visitante na página até o final.

  • rafaelmiguel

    Tanto o texto quanto a narração do vídeo ficaram muito bons. Só acho que faltou um pouco mais de produção no vídeo em relação à BGS. O começo está um pouco monótono só com a voz e talvez outros recursos sonoros poderiam ser explorados além da música da banda.

  • Aryanne Araújo
    Aryanne Araújo

    Gostei do texto e do tema. A ideia de usar o vídeo para dar demais informações foi bem bacana, não deixou a matéria cansativa e ilustrou bem. Algumas vezes o áudio ficou um pouco baixo, e acho que isso pode ser melhorado se abaixarem o BG em alguns trechos.

  • Geane Alzamora

    Oi pessoal,
    o trabalho ficou bem bacana, parabéns. Acho, porém, que o texto poderia ser mais descontraído e o título mais informativo (prestem atenção que não se revela, no título a perspectiva da pauta), mais atraente. Gostei muito da proposta nas mídias sociais.
    Geane

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

WP-SpamFree by Pole Position Marketing